Quanto vale a reputação corporativa?

Prevent Sênior

Em troca de um merchandising voluntário do atual presidente da república, a operadora de saúde Prevent Senior acabou se envolvendo num dos maiores escândalos do setor nos últimos anos. Em resumo, para apoiar o discurso de um tratamento milagroso da Covid-19, a direção da operadora ultrapassou todos os limites éticos e cabíveis levando a óbito centena de segurados e, consequentemente, arrastando a sua marca para uma crise institucional sem precedentes.

Como em toda gestão de crise, as marcas tentam apresentar os seus argumentos à sociedade, fornecendo informações para contrapor os ataques e os fatos que são apresentados ao grande público. Nunca é um processo simples ou fácil para ser executado e, no caso da Prevent Senior, o impacto negativo à reputação da instituição foi bastante agravado, pois a operadora de saúde passou a ser uma das empresas investigadas pela CPI da Covid em andamento no Congresso Nacional.

E, como em toda a crise de reputação, um fato desencadeia uma série de outras narrativas sobre a marca no epicentro do problema. Agora, além da investigação sobre o tratamento ineficaz e obrigatório aplicado pela direção da Prevent Senior a seus pacientes com Covid-19, a imprensa começa a repercutir outras falhas na prestação dos serviços dessa marca, destacando que a operadora de saúde encontra-se como a marca com o maior número de processos de consumidores na ANS – Agência Nacional de Saúde.

Por enquanto, a recuperação da imagem da Prevent Senior parece estar distante de acontecer e os profissionais envolvidos nas estratégias de comunicação dessa marca precisarão atuar com bastante assertividade e precisão na tentativa de minimizar os efeitos futuros que essa crise acarretará aos negócios da instituição. É bem provável que a liderança da operadora de saúde reconheça que era bem mais vantajoso e seguro terem contratado um garoto-propaganda com mais prestígio na sociedade brasileira.

Por Daniel Aguado | www.danielaguado.com.br

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/daniel-aguado-1b7b229/

Leia mais notícias:

https://marcaspelomundo.com.br/destaques/o-efeito-tiago-leifert/

https://marcaspelomundo.com.br/opiniao/valorize-o-savoir-faire-corporativo-por-daniel-aguado/

https://marcaspelomundo.com.br/opiniao/o-futuro-do-live-marketing-por-daniel-aguado/