Mastercard doará 18 milhões de refeições para impactados pela Covid-19

A MasterCard continua o movimento "Faça Parte: Comece o que não tem preço" para combater a fome por meio através da doação de recursos.

A Mastercard anunciou hoje seu compromisso contínuo de aliviar os efeitos da pandemia de Covid-19 nas comunidades mais vulneráveis do Brasil, doando os recursos para permitir o fornecimento de cerca de 18 milhões de refeições. Baseado no movimento “Faça Parte: Comece o que não tem preço”, uma campanha lançada há um ano para fornecer ajuda para os atingidos pela pandemia de Covid-19 no país, o esforço gerou mais de cinco milhões de refeições doadas para pessoas carentes em todo o Brasil por meio de parceiros filantrópicos.

A grande doação de recursos será feita por meio do Fundo de Impacto Mastercard para parceiros filantrópicos: o Centro de Excelência contra a Fome do Programa Mundial de Alimentos e sua parceira Ação da Cidadania (que receberá os recursos para o fornecimento de cerca de 9 milhões de refeições), e a Visão Mundial (que também receberá recursos para cerca de 9 milhões de refeições), ambos trabalhando com equipes de campo e parceiros humanitários para identificar e alcançar as famílias mais carentes com doações. A previsão é que mais de 300 mil pessoas que vivem em algumas das comunidades mais vulneráveis dos estados brasileiros do Acre, Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Pernambuco e São Paulo, entre outros, sejam beneficiadas por esta iniciativa.

Um estudo recente da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede PENSSAN) constatou que, somente no último trimestre de 2020, cerca de 19 milhões de pessoas passaram fome no Brasil. A pesquisa revelou ainda que, nesse mesmo período, mais de 116 milhões de pessoas viviam com algum grau de insegurança alimentar. Isso significa que mais da metade dos lares brasileiros já sofreram algum tipo de privação relacionada à alimentação.

“A pandemia criou desafios econômicos e de saúde globais que só podem ser enfrentados por meio de ações coletivas. O compromisso que anunciamos hoje faz parte do foco da Mastercard na construção de uma economia inclusiva e sustentável, e não podemos fazer isso sem garantir a saúde e o bem-estar de todos. Acreditamos que, juntos, podemos ser uma força do bem para que os brasileiros não tenham que se preocupar com terem a próxima refeição”, disse João Pedro Paro Neto, presidente da Mastercard para o Brasil e o Cone Sul.

“Em 2020, tivemos uma grande experiência de parceria com a Mastercard para distribuir alimentos às populações que mais sofriam com os impactos financeiros da pandemia. Ajudamos mais de 26 mil pessoas em seis estados brasileiros com quase 2,4 milhões de refeições fornecidas a famílias e crianças que muitas vezes eram ameaçadas de passar fome por terem perdido suas fontes de renda. A pandemia não acabou, e o número de famílias que vivem em situação de vulnerabilidade no Brasil está aumentando. Com esta nova parceria, queremos continuar levando esperança e conforto para ainda mais pessoas”, disse Martha Yaneth Rodriguez, Diretora Nacional da Visão Mundial Brasil.

A resposta global da Mastercard à pandemia foi feita por meio de tecnologia, recursos de dados, doações filantrópicas e arrecadação de fundos. A empresa também é parceira fundadora do Covid-19 Therapeutics Accelerator e, mais recentemente, anunciou um compromisso de US$ 25 milhões para ajudar a garantir acesso e distribuição equitativos de vacinas em todo o mundo.

Leia mais notícias:
https://marcaspelomundo.com.br/anunciantes/alcione-e-criolo-se-unem-e-cantam-classicos-do-samba-em-iniciativa-da-mastercard/

https://marcaspelomundo.com.br