Meu Nome é Correria estreia segunda temporada com apresentação do Cazé

Meu Nome é Correria: Confira os bastidores de gravação do programa idealizado pela E-Content Lab, que está em sua segunda temporada.

Depois de uma temporada de sucesso em 2020, a campanha do Meu Nome é Correria se transformou em um case da E-Content Lab, laboratório de conteúdo digital, e se tornou um projeto com marca e vida próprias. O programa, que conta a história dos “correrias” em destaque no mundo atual, continua com o patrocínio da Philips Áudio e Vídeo, cliente da agência, e ganha o Cazé como apresentador da segunda temporada.

Os episódios vão girar em torno da vida das pessoas que idealizam e executam, que fazem os sonhos delas acontecerem. Os papos serão sobre empreendedorismo, propósito e sucesso. “Queremos desconstruir o conceito de sucesso como lugar, uma posição. Com as conversas, a ideia é mostrar que o sucesso dessas pessoas é o seu caminho, suas pedras, suas inspirações e, inclusive, suas frustrações. Queremos levar esta reflexão ao público”, comenta o fundador da E-Content Lab, Vinicius Mancini.

Um dos principais desafios do projeto este ano é a mudança nos canais de exibição. O programa deixará de ser veiculado nas redes da Philips Áudio e Vídeo e terá canais próprios. O projeto cresceu e se transformou em uma marca de conteúdo chamada Meu Nome é Correria. “Temos o desafio de manter o ritmo do ano passado, trazer a base do programa para os canais próprios e fazer uma transição de apresentadores, com a saída do Thaíde e entrada do Cazé, diz Mancini.

“Hoje quando você pergunta para alguém ‘como você tá?’, todo mundo responde ‘nossa, tô na maior correria’. Mas a gente tá correndo para que mesmo? E para onde? Compartilhar com nosso público como é a correria desses verdadeiros atletas sociais, esse é o nosso corre nessa segunda temporada do Meu Nome É Correria”, comenta Cazé.

Projeto autoral – O Meu Nome é Correria surgiu como uma campanha de conteúdo criada pela E-Content Lab para a Philips Áudio e Vídeo em 2020. Com a virada do ano, ele passou a ser um projeto autoral da E-Content Lab, tendo a Philips como patrocinadora na categoria de Áudio e Vídeo. “A ideia é iniciar conversas com marcas que estejam relacionadas com o universo do programa e queiram participar de um projeto de conteúdo inspirador”, ressalta Vinicius.

Para a escolha do apresentador da nova temporada, Cazé foi um nome rápido e certeiro, que sempre esteve no radar dos criadores. Segundo Mancini, a ideia é mostrar que o “correria” está todos os lugares, nichos e profissões, por isso é importante contar com um profissional conectado com o assunto, público e com o storytelling para conduzir o programa.

Segunda temporada – O primeiro episódio contou com a participação da jornalista multitarefas Rosana Hermann, que também é roteirista, escritora e palestrante. O programa, que será veiculado no Youtube e nas plataformas de streaming de áudio, deverá ter de 14 a 16 episódios, mas com perspectiva de crescimento. “Como temos ideia de trazer outras marcas, queremos aumentar o programa e chegar a ter até um episódio por semana”, finaliza Mancini.

Um nicho a ser explorado – Hoje, como o cenário dos podcasts e videocasts giram, em grande parte, em torno de polêmicas, views e audiência, a expectativa da E-Content Lab é ocupar o espaço que existe de iniciativas de conteúdo que envolvem grandes nomes, mas mais inspiradores e menos polêmicos, e que mostram um lado que o público nem sempre conhece.

Assista ao primeiro episódio:

 

Assista ao manifesto do programa:

 

Leia outras notícias:

https://marcaspelomundo.com.br/agencias/alexandre-vilalba-e-no-novo-diretor-de-operacoes-da-e-content-lab/