Natal: como preparar o PDV para a data?

Julio Bastos Head Of Trade Marketing Unit C2C Brazil  

Para o brasileiro, o Natal é uma data muito forte e representativa na nossa cultura. É o momento de presentear e estar mais próximo de familiares e amigos. No varejo, a hora de desenvolver a estratégia de execução no ponto de venda (PDV) é agora: capacitar o time para ganho de agilidade, criar material de comunicação orientativo e atrativo e promover ações de recompra com resgates facilitados para evitar filas e aglomerações. Vale ressaltar que, no cenário atual, as filas vão jogar contra as marcas, por isso, uma sugestão são os resgates de produtos através de preenchimento prévio.

 

O primeiro semestre deste ano apresentou um crescimento de 12,26% em relação ao mesmo período de 2020, que se deve especialmente à reabertura das lojas físicas e ao hábito do consumidor de comprar online, ajudando a manter os resultados em alta.

 

Para melhorar a performance, um ponto importante é entender o seu consumidor e gerar ações que despertem o interesse. Em supermercados é possível criar ações com produtos relacionados. Um kit churrasco próximo da área de carnes induz o consumidor a entender que é uma boa pedida, por exemplo. Quando falamos de vestuário, o autoatendimento proporciona agilidade, já que o consumidor consegue pagar compras em cartão sem pegar longas filas, o que torna a marca lembrada positivamente na hora do corre-corre de fim de ano. Nas lojas infantis, o uso de máscara é um ponto a favor.

 

Uma dica final é o uso de adereços natalinos, que sempre ajudam na imersão do clima nessa época tão gostosa do ano.

Por Julio Bastos

Head Of Trade Marketing Unit C2C Brazil  

https://www.linkedin.com/in/juliobastosvitoria/

 

Leia outros artigos:

https://marcaspelomundo.com.br/categorias/opiniao/