Nada muda para o Dia dos Pais, por Daniel Aguado

Neste artigo, Daniel Aguado aborda sobre o Dia dos Pais, momento de grande representação da síndrome de boreout na publicidade brasileira.

O mês de agosto está começando e, com ele, mais uma data comemorativa e relevante para o varejo brasileiro: o Dia dos Pais. Como sabemos, esse não é um momento tão significativo às vendas como em outras celebrações; no entanto, isso justifica uma enxurrada de campanhas publicitárias com mensagens repetitivas e pouco engajadas com as constantes evoluções da nossa sociedade? É difícil acreditar que algum pai na faixa dos 35 anos sinta-se representado por tantos clichês.

Independentemente dos nossos gostos pessoais, os profissionais de marketing, incluindo os anunciantes, as agências e os veículos de comunicação, deveriam repensar a abordagem dessa data nas estratégias de comunicação e conversão e, assim, desafiar um pouco mais o statu quo impregnado nessas cansativas mensagens. Das marcas de automóveis às redes varejistas, o pai é representado como aquele indivíduo soberano, acima do bem e do mal e, claro, com a sua furadeira elétrica em  mãos, pronto para realizar qualquer tipo de reparo. A verdadeira representação da síndrome de boreout na publicidade brasileira.

Com a quantidade de peças que estamos sendo impactados, certamente, tal efeito não é resultado de pouco investimento. Pessoalmente, acredito que há um dificuldade em emplacar algo realmente novo e representativo, capaz de refletir o novo papel do pais nas vidas das famílias. Para isso, além de muita coragem e criatividade, também é necessário um entendimento profundo sobre os consumidores, incluindo as suas aspirações. Algo muito similar ao trabalho desenvolvido para adequar a publicidade ao papel das mulheres nos dias atuais.

Por fim algo eu posso afirmar: o meu pai, no auge dos seus 70 anos, odiaria ganhar uma gravata ou uma furadeira elétrica de presente. Aliás, no caso deste último produto, é bem provável que ele nem saiba manuseá-la. Feliz dia dos modernos pais!

Por Daniel Aguado | danielaguado.com.br

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/daniel-aguado-1b7b229/

Leia mais notícias:

https://marcaspelomundo.com.br/opiniao/o-futuro-do-live-marketing-por-daniel-aguado/

https://marcaspelomundo.com.br/anunciantes/marketing-do-poliedro-educacao-confira-entrevista-com-daniel-aguado/