Cartão de Todos quer suprir as necessidades das famílias de baixa renda

Elisangela Peres entrevista Tales Vila, vice-presidente do Cartão de Todos

Elisangela Peres conversou com Tales Vilar, vice-presidente do Cartão de Todos. Na entrevista, o executivo conta sobre o posicionamento da marca, que oferece a intermediação de descontos entre os usuários do cartão e as empresas parceiras.

Além disso, Tales revela os planos de expansão e de comunicação. As ações de marketing estão sendo desenvolvidas em parceria com a agência Gotcha. Assista!

Com foco em suprir as necessidades das famílias brasileiras de baixa renda, o Cartão de Todos possui mais de 4 milhões de famílias participantes. Posicionado no mercado para atender as necessidades mais voltadas à saúde, mas sem deixar de lado outras áreas, como educação, consumo básico e lazer, o Cartão de Todos possui uma trajetória de 20 anos, com grande expansão nos últimos 3. “Durante nossa história, estivemos sempre muito ligados à parte de saúde. E nosso grande desafio hoje é passar a ser um cartão de desconto em outras áreas para essas famílias”, comenta Tales Vilar.

O vice-presidente do Cartão de Todos ainda comenta sobre o principal público-alvo: “No Brasil, as classes C e D são a grande massa da população. São essas pessoas que tem a maior necessidade de terem suas demandas atendidas pelas empresas. Por isso, desde o início nosso posicionamento foi junto à essas classes”.

Nos seis primeiros meses de pandemia, o Cartão de Todos cresceu em 1 milhão sua base de clientes ativos, o que mostra que quando a saúde é colocada como prioridade no país, mais pessoas vislumbram o modelo de cartão de desconto como uma opção viável. O objetivo do Cartão de Todos para o ano de 2021, segundo Tales Vilar, é implantar, junto à base de clientes, um banco digital próprio. O banco será lançado nos próximos meses para que os clientes tenham acesso à tecnologia a partir do próprio Cartão de Todos.

Sobre o mercado Internacional, Vilar comenta que há possibilidades de expansão do projeto: “Temos nossa primeira iniciativa já acontecendo em Bogotá, na Colômbia. Vemos muitos outros países da América do Sul com similaridades nas demandas de saúde. Vemos que as populações de média e baixa renda possuem demandas a serem supridas e, por isso, temos sim planos de internacionalização e queremos levar o Cartão de Todos a todo o mundo.”

A marca, que teve três anos de contrato com a apresentadora Ana Maria Braga, conta agora com o Luciano Huck como garoto-propaganda. “Iniciamos 2021 com um discurso muito forte de que a Inclusão Digital também é Inclusão Social e a figura de Luciano Huck reflete isso, torna a marca mais digital sem perder o caráter de conversar com classes de menores rendas, além dele ser uma pessoa muito admirável”, explica Tales Vilar.

Leia mais notícias:

https://marcaspelomundo.com.br/anunciantes/luciano-huck-estreia-primeira-campanha-como-embaixador-do-cartao-de-todos/

https://marcaspelomundo.com.br/

O fim do trade marketing? por Daniel Aguado

O fim do trade marketing?

A pandemia do novo coronavírus acelerou a digitalização de quase todos os segmentos da economia. Aquelas empresas que ainda relutavam ou enfrentavam dificuldades para incorporarem